ela passa

Meus olhos me traem
Sem que eu possa evitar
Ela passa, e me olha,
E a máscara cai
E não me protege
Enquanto ela se vai
Sob a luz do luar.

E como mágica
Ela me deixa mais leve
E me leva para longe
Rapidamente,
Pra bem longe daqui.

Seu jeito me envolve
Sem que eu possa notar
Ela surge, eu perco o passo
E fico sem jeito
Sem foco, e ela sorri
E desfila pra mim
E me deixa sem ar.

E ela se delicia
Com esse jeito inocente
Ela faz o que quer
Especialmente,
O que só ela quer.

Sua boca me atrai
Sem que ela possa sentir
Ela sussurra algo
E sinto o seu calor
Rente a minha pele
E me entorpece
Com seu doce elixir.

E como um sonho
Entre tantos possíveis
Eu sigo perdido
Completamente,
Perdido de amor.

Anúncios

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s