Algo assim…

Você é mesmo algo assim
Mágica simplesmente perfeita
Você, um pesadelo sem fim
Uma lenda, um vulto sempre na espreita.

Você é quase isso tudo
Mulher, um anjo sagrado
Uma questão sempre em estudo
Um delicioso banquete à ser devorado.

Você não existira, se não fosse assim
Conquistar, amar ou seduzir?
Talvez quem sabe, você me venha a mim
Sem mentiras, sem tentar me iludir…

Você seria quase, se não fosse total
Puramente linda, incomparável
Eu te odiaria se não fosse real
Mas te entender é um fato improvável.

Pois, você, foi início, meio e fim
A chama do desejo, vida e paixão
Você se foi, levando parte de mim
Destruindo sonhos, me devolvendo a razão.

31/08/1998

Anúncios

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s